Hot Flowers
side-area-logo

DICAS SOBRE SEXO

Tire todas as suas dúvidas sobre a sua sexualidade
Dicas sobre Sexo
O sexo saudável e de qualidade é quando ambos os parceiros o realizam com prazer e felicidade. Para isto é necessário envolvimento e prazer físico e emocional. Qualquer atividade que realizamos e sentimos prazer ativa em nosso cérebro a área septal, responsável pelos resultados prazerosos que vivenciamos diante de algo que nos faz feliz. Quando uma pessoa faz sexo sem vontade e sem prazer por um longo período ela ocasiona para seu corpo e mente um sofrimento físico e emocional. Esta atitude não é saudável e será prejudicial para a sexualidade do casal. Na vida sexual do casal é necessário o equilíbrio entre a vontade e frequência desejada para ambas as partes, e um proporcionar um para o outro excitação e prazer durante as preliminares, assim o casal terá uma sexualidade saudável. Os benefícios do sexo saudável O sexo regular e realizado de forma saudável faz muito bem em nossas vidas. Segundo pesquisadores os benefícios são: - O corpo libera endorfina durante o orgasmo, o que causa euforia, prazer e humor. Aumenta a tolerância à dor e sensação de bem estar; - O orgasmo libera vários hormônios, como a ocitocina que reduz a ansiedade, depressão e previne o câncer de mama; - A atividade sexual com preliminares de qualidade queima muitas calorias, em média de 3 a 10 calorias por minuto; - Após o orgasmo o corpo e mente relaxam instantaneamente, favorecendo melhora na qualidade do sono; - O sexo aumenta a circulação do sangue e transporta oxigênio para o cérebro, irriga a região responsável pela memória e aprendizagem. Favorece a capacidade do sistema imunológico, melhora as dores musculares, revitaliza células, músculos e pele; - O sexo frequente estimula a produção de testosterona, este hormônio atua no desejo, desempenho sexual, protege coração e ossos; - O sexo saudável aumenta a autoestima e favorece a longevidade, criatividade, memória, rendimento intelectual, aumento das percepções corporais e felicidade. O que fazer para ter um sexo saudável O importante é não sentir desconforto ou dor durante as atividades sexuais, assim como fazer sexo sem desejo e excitação. O casal precisa sentir prazer e felicidade em ter intimidade. Sugere uso de produtos eróticos durante as preliminares para favorecer a excitação e prazer do casal. Dicas para o casal: use produtos eróticos nas preliminares, como vibradores, cremes, geis, óleos, lingeries, fantasias e outros objetos. Desenvolva sua criatividade, intimidade e felicidade sexual.
O QUE FAZER QUANDO HÁ POUCA LUBRIFICAÇÃO VAGINAL? Há muitos motivos para haver diminuição da lubrificação vaginal na hora do sexo, como fatores emocionais, alterações físicas e hormonais, e mal estimulação sexual pelo parceiro onde a mulher não está adequadamente excitada. Já falamos que a insatisfação sexual está presente para muitos homens e mulheres, onde os casais fazem sexo com pouca frequência e o que predomina é a “rapidinha” e atividades monótonas. Neste contexto há necessidade de maior estimulação na mulher, com toques e beijos pelo corpo todo, principalmente nas áreas erógenas, como pescoço, mamas, barriga, clitóris, ponto G e outras. A insatisfação para a mulher durante a atividade sexual pode ocasionar baixo desejo sexual, dificuldade de lubrificação e orgasmo, e com o tempo o distanciamento dela nas carícias e afetos com o parceiro. O que fazer A falta de lubrificação muitas vezes indica que a mulher não está excitada adequadamente, e se ela fizer sexo desta maneira por muito tempo poderá prejudicar a saúde dos músculos do assoalho pélvico, seu emocional e o relacionamento, com consequências graves para sua sexualidade e bem estar do casal. Recomenda-se urgentemente um diálogo entre o casal sobre essa situação e mudanças nas atitudes durante o sexo, como maiores estímulos durante as preliminares, autoconhecimento íntimo pela mulher e uso de lubrificante íntimo externo enquanto há pouca lubrificação e/ou enquanto sente desconforto durante a penetração. Produtos eróticos que atuam na lubrificação Alguns produtos eróticos ajudam muito na melhora da lubrificação, sendo com estímulos diretos e os que atuam a longo prazo. Hoje falaremos sobre os que atuam momentaneamente e diretamente na lubrificação, que são os lubrificantes íntimo externos. Nesta linha tem-se alguns produtos, como: 1- As bolinhas, chamadas de Hot ball, são a base de óleo de coco que introduz na vagina e após seu rompimento lubrifica a região; 2- Aqua loob e Aqua Fire, estes são lubrificantes com componentes resistentes à água; 3- Inti loob é um lubrificante a base de água; 4- Deep Easy e Just Joy são lubrificantes específicos para o sexo anal. É importante o uso de lubrificante íntimo quando a mulher apresenta pouca lubrificação vaginal e quando há possibilidade de haver desconforto ou dor na penetração. Dicas para eles: use lubrificante íntimo para massagear o clitóris e ponto G, assim você fará sua mulher sentir desejo e excitação, como consequência ela ficará lubrificada e sentirá muito prazer sexual e admiração por você. Fabiane Dell` Antônio Fisioterapeuta - Palestrante - Consultora Participação de textos sobre sexualidade em Revistas, Sites e Jornais de circulação Nacional * Mestrado em Ciências da Saúde Humana – UnC / SC * Especialização em Neuropsicologia e Aprendizado – PUC / PR * Especialização em Fisioterapia em Uroginecologia – CBES / PR * Especialização em Sexualidade Humana – USP / SP
Os brasileiros não admitem, mas a insatisfação sexual está presente para muitos homens e mulheres, onde os casais fazem sexo com pouca frequência e o que predomina é a “rapidinha” e atividades monótonas. Neste contexto há insatisfação para uma ou ambas as partes, com o tempo estas atividades sexuais podem refletir no baixo desejo sexual, dificuldade de sentir prazer e afastamento íntimo e amoroso entre o casal. Muitas mulheres apresentam dificuldade de sentir o orgasmo, mas fingem para seus parceiros. Eles, por sua vez, acreditam ou preferem acreditar que está bom o sexo e não procuram atividades diferentes para mudanças em favor da parceira. Assim, a ausência de criatividade e comunicação entre ambos promove frustrações e monotonia na vida sexual do casal. Homens e mulheres que sentem prazer no sexo são mais felizes, sentem bem estar nas atividades diárias, melhora o rendimento mental e físico, além de estimular o desejo sexual, o companheirismo e intimidade entre o casal. Diferentes práticas sexuais As atividades sexuais podem ocorrer através do sexo vaginal (penetração do pênis na vagina), sexo anal (penetração do pênis no ânus) e sexo oral (estimulação oral no pênis e clitóris). Destas práticas sexuais a que favorece o maior número de mulheres a sentir orgasmo é a estimulação no clitóris, atividade conhecida como sexo oral. Mas esta estimulação pode ocorrer também através do toque, seja pelo parceiro ou por ela mesma. Estímulos agradáveis no clitóris e pênis através de toque manual, língua, geis e vibradores são realizados por mulheres e homens para sentir prazer. Estes podem favorecer o orgasmo e desejo sexual, contribuindo para a felicidade na vida sexual do casal. A criatividade Homens e mulheres devem usar a criatividade para melhorar e manter uma vida sexual saudável, com prazer, intimidade e companheirismo. A prática de estímulos no (a) parceiro (a) e em si próprio (a) auxilia no conhecimento sexual e na maturidade, sem necessidade de fingimento e negação ao sexo. Recomenda-se variar nas posturas, locais que realizam sexo, atividades sexuais diferenciadas, e preferencialmente com a realização de preliminares. Neste período um deve estimular o outro através do tato, audição, visão e gustação. Para estimular o tato recomenda-se o uso do vibrador Bullet, onde este é um cone com fio e controle remoto, assim pode ser utilizado para estimular pênis, períneo, vagina (ponto G), clitóris e região anal. Pode ser usado individualmente ou em casal. Fabiane Dell` Antônio Fisioterapeuta - Palestrante - Consultora Participação de textos sobre sexualidade em Revistas, Sites e Jornais de circulação Nacional * Mestrado em Ciências da Saúde Humana – UnC / SC * Especialização em Neuropsicologia e Aprendizado – PUC / PR * Especialização em Fisioterapia em Uroginecologia – CBES / PR * Especialização em Sexualidade Humana – USP / SP
Quando o homem ejacula antes do que gostaria ele pode ter Ejaculação Precoce (EP). Ocorre em 20 a 30% dos homens brasileiros interferindo com o bem estar sexual ou emocional do homem ou do casal. Não existe um tempo que determina se é ou não EP, mas nestes casos ela ocorre com estímulo sexual mínimo antes, durante ou logo após a penetração, antes do que o homem o deseje, e isto ocorre frequentemente. A EP tem muitas causas físicas, sociais e emocionais. As mais estudadas são a hipersensibilidade na glande, falta de controle no reflexo ejaculatório, ansiedade excessiva, primeiras experiência sexuais inadequadas, insegurança, falta de conhecimento da sua sexualidade, enfraquecimento muscular local, entre outras. Alguns homens desenvolvem a EP devido a parceira sentir dor ou desconforto, assim ele termina logo por estar preocupado com ela. Tem tratamento? Sim, mas o tratamento necessita de mudanças no comportamento e práticas sexuais, sendo que para haver resultado é necessário alguns meses. Entre os tratamentos disponíveis estão: Com o médico Urologista ou Psiquiatra o homem pode realizar tratamento com medicamentos para diminuir a ansiedade. Realizar terapia com Psicólogo para tratar a origem emocional. Com o Fisioterapeuta irá tratar os Músculos do Assoalho Pélvico, onde atua na hipersensibilidade, no controle ejaculatório, no enfraquecimento muscular local e ensina e orienta sobre a sexualidade. Alguns produtos eróticos atuam na EP Alguns produtos eróticos são produzidos com a finalidade de retardar a ejaculação, quando esta for precoce. Entre estes estão: 1- Inibidores da dor – cremes ou líquidos que diminuem a sensibilidade local. 2- Spray Hot Long – líquido que retira a sensibilidade local para retardar a ejaculação. 3- Anel de silicone – colocado na base do pênis este comprime os vasos sanguíneos prolongando a ereção e ejaculação. Homens, é importante que durante o período de tratamento você capriche nas preliminares para satisfazer sua parceira antes da penetração. Encarar o problema e dialogar com a parceira ajudará no uso dos produtos citados acima, e durante o tratamento físico ou emocional será um apoio necessário para as mudanças previstas. Fabiane Dell` Antônio - Fisioterapeuta Palestrante - Empresa Movimento Bureau - SP Consultora da Empresa HotFlowers – SP Participação de textos sobre sexualidade em Revistas, Sites e Jornais de circulação Nacional Articulista do Site Desejo Oculto * Mestrado em Ciências da Saúde Humana – UnC / SC * Especialização em Neuropsicologia e Aprendizado – PUC / PR * Especialização em Fisioterapia em Uroginecologia – CBES / PR * Especialização em Sexualidade Humana – USP / SP
Pesquisas apontam que os brasileiros estão realizando poucas preliminares e estão insatisfeitos com sua vida sexual, onde a penetração é erroneamente o foco para muitos casais. A falta de intimidade e carícias afastam o casal sexualmente e amorosamente, e neste contexto muitas mulheres desenvolvem dificuldades em sentir prazer e manter seu desejo sexual saudável. OS CINCO MOTIVOS 1- Sair da rotina Os produtos eróticos ajudam os casais a sair da rotina de forma saudável e prazerosa. Com géis, fantasias e objetos que irão estimular a criatividade e a excitação para ambos, facilitando o orgasmo. 2- Variar os estímulos prazerosos que um pode proporcionar ao outro Há vários produtos que produzem sensações prazerosas quando usado no corpo. Eles estimulam a percepção corporal, a excitação e lubrificação, sendo que estas são muito importantes para a mulher sentir prazer durante a atividade sexual. 3- Aumenta o tempo das preliminares Os produtos eróticos são utilizados durante as preliminares para estimular o casal em diferentes práticas sexuais, como sexo oral, vaginal e anal. Quando o casal realiza as preliminares facilita o desejo, excitação e orgasmo para ambos. 4- Favorecer o conhecimento e a intimidade Ao usar os produtos eróticos homens e mulheres aprendem sobre o corpo do outro e suas áreas erógenas. Isso favorece maior intimidade, aproximidade e satisfação física e emocional para os dois. 5- Melhora o prazer e desejo sexual de homens e mulheres Alguns produtos ativam a circulação local e promovem diferentes sensações corporais, como alteração na temperatura, vibrações e lubrificação. Estes estímulos favorecem o desejo, a excitação e orgasmo. Para o casal ter uma vida sexual saudável ambos necessitam estar bem com sua sexualidade. A adequada estimulação e excitação são fundamentais para manter uma vida sexual feliz! Fabiane Dell` Antônio - Fisioterapeuta Palestrante - Empresa Movimento Bureau - SP Consultora da Empresa HotFlowers – SP Participação de textos sobre sexualidade em Revistas, Sites e Jornais de circulação Nacional Articulista do Site Desejo Oculto * Mestrado em Ciências da Saúde Humana – UnC / SC * Especialização em Neuropsicologia e Aprendizado – PUC / PR * Especialização em Fisioterapia em Uroginecologia – CBES / PR * Especialização em Sexualidade Humana – USP / SP
Os brasileiros estão realizando poucas preliminares durante a relação sexual. Isso pode causar estímulos sexuais insatisfatórios para homens e mulheres, com diminuição de momentos íntimos à dois, onde à longo prazo pode causar danos na vida sexual do casal. Entre muitos casais há pouco contato físico, beijos e toques. O foco erroneamente é a penetração!!! Nos dias atuais os casais estão com dificuldade em ter tempo para namorar, manter a intimidade e dialogar sobre a vida sexual individual e do casal. A prática sexual de forma rápida e com pouco envolvimento, famosa "rapidinha", está tornando-se uma prática constante. As consequências da vida sexual monótona Mulheres e homens precisam ser estimulados sexualmente de forma prazerosa pelo seu parceiro (a) durante as preliminares. O prazer sexual favorece a intimidade entre o casal e esta propicia a satisfação e felicidade. O desejo ocorre pelo que é prazeroso, e quanto mais felizes somos sexualmente maior a motivação para o ato sexual e a intimidade. Em contrapartida, se houver insatisfação e monotonia na vida sexual haverá distanciamento íntimo e afetivo entre o casal, com ausência ou diminuição do desejo sexual. Nesta ausência de estímulos e preliminares encontram-se casais insatisfeitos um com o outro e consigo, onde não há diálogo e motivação para atitudes criativas e inovadoras para melhorar a sexualidade do casal. O que fazer? O casal precisa iniciar o diálogo sobre a vida sexual, ter atitudes e iniciativas favoráveis ao prazer de ambos, com aumento do tempo para as preliminares. Estas devem ser realizadas de forma que proporcionam prazer e excitação, com envolvimento físico e emocional. Recomendo para o casal ter um período fixo na semana reservado para os dois, onde neste é importante a presença de toques, beijos e diálogos. Devem iniciar o toque um no corpo do outro para aprender os pontos erógenos de cada um. Realizar massagem com toques suaves, beijos e carinhos, sem pressa e com envolvimento total durante esta intimidade. Usar produtos de sex shop auxilia muito o prazer individual e do casal, respeitando o consentimento do outro.
Tire suas Dúvidas com a
FABIANE DELL`ANTÔNIO

Graduada em Fisioterapia, com Mestrado em Ciências da Saúde Humana (UnC-SC) e nas seguintes Especializações:

Neuropsicologia e Aprendizado (PUC-PR);

Fisioterapia em Uroginecologia (CBES-PR);

Sexualidade Humana (USP-SP).

Professora Universitária desde 1999. Atua em consultório na área de Sexologia desde 2002. Realiza Cursos e Palestras em Sexualidade Humana desde 2010.

ENVIAR DÚVIDA

COMPRE AQUI FALE CONOSCO